ESC Tel Aviv 2019: Duncan Laurence venceu o festival pela Holanda. Dare to Dream é o slogan do Festival Eurovisão da Canção 2019. Conan Osíris representou Portugal em Tel Aviv com a canção "Telemóveis". Surma representará a OGAE Portugal no Second Chance 2019.
sexta, 05 maio 2017 09:56

Quem é Salvador Sobral? Destaque

Escrito por João Ferreira
Salvador Sobral Salvador Sobral

Chegou à televisão com o mesmo estilo descontraído que este ano leva à Eurovisão. Salvador Sobral, o vencedor do Festival da Canção, estreou-se na televisão na edição de 2009 do Ídolos, o concurso de música transmitido pela SIC.

À data, com 19 anos, Salvador enfrentou a avaliação de Manuel Moura dos Santos, Laurent Filipe, Roberta Medina e Pedro Boucherie Mendes, com uma interpretação de Stevie Wonder e Ray Charles e do português Rui Veloso. Foi "uma agradável surpresa", descreveu Moura dos Santos, quando ouviu a voz do candidato. A atitude relaxada e a personalidade genuína conquistaram o júri e o público e Salvador foi passando as várias fases de selecção.

Na altura, o cantor repetia o percurso da irmã, Luísa Sobral, que em 2003 conquistou o terceiro lugar no mesmo concurso. O músico chegaria ainda ao grupo dos dez finalistas, mas a vitória, nesse ano, foi para Filipe Pinto. Na altura, estudante de Psicologia no Instituto Superior de Psicologia Aplicada, em Lisboa, acabaria por deixar o curso para se dedicar mais à carreira musical, graças ao programa televisivo. 

Na altura, voou até aos Estados Unidos para estudar música e trabalhar pelo seu lugar na indústria, provando que era mais do que o irmão mais novo de Luísa Sobral. Esteve depois quatro anos a viver em Espanha, onde estudou jazz na Taller de Musics, em Barcelona. Billie Holiday é a cantora e compositora norte-americana que mais admira.

Paralelamente à sua formação, o cantor participou em projectos musicais. Em Barcelona, por exemplo, integrou a banda de pop-indie Noko Woi. O álbum conquistou os elogios da crítica e foi um bilhete para a actuação num dos palcos da edição de 2014 do Festival Sónar de Barcelona.

Concluída a sua formação, o músico regressou a Portugal onde trabalhou no seu álbum de originais, co-produzido por Júlio Resende e lançado em Março de 2016, pouco depois de subir ao palco do Vodafone Mexefest. No último ano, Salvador integrou ainda o cartaz da última edição do EDP Cool Jazz.

Agora, com 27 anos, foi no Festival da Canção que Salvador voltou a surpreender os portugueses, deixando-os rendidos. Desde a sua vitória no último domingo, o álbum Excuse Me, tornou-se num dos mais vendidos do iTunes. Esta quarta-feira, estava no terceiro lugar.

O músico confessa que não é um fã da Eurovisão e até agora nunca tinha dedicado especial atenção ao concurso. No entanto, o seu empenho não é em nada menor, sublinha, e até já há quem aposte na sua vitória.

Fonte: Jornal Publico

Lido 569 vezes Modificado em terça, 30 maio 2017 17:56

Media

Salvador Sobral
Login para post comentários

 

Apoiar o Festival da Canção e EuroFestival da Canção e eventos relacionados.

 

Dinamizar iniciativas e eventos para os sócios com artistas e protagonistas dos Certames.

 

Promover a associação junto do Grande Público, e de entidades públicas e privadas.